Aluguel em Dublin


Se tem algo capaz de tirar o sono dos estudantes na Irlanda — e também de muitos irlandeses — é encontrar um imóvel para alugar a preços minimamente acessíveis.
De acordo com a última pesquisa realizada pelo Daft.ie, por exemplo, no último ano houve um aumento de, aproximadamente, 10% no valor dos aluguéis. Entre as causas desses valores elevados, está a lei da oferta e da procura. Ou seja, o número de imóveis disponíveis para venda ou locação no país é um dos mais baixos da história.
Consequentemente, os preços vão parar nas alturas, ainda mais com a falta de regulação no setor, o que deixa uma brecha para os landlords reajustarem os aluguéis simplesmente da forma como bem entenderem.

Caro x Barato

Não é surpresa para ninguém que Dublin tem os aluguéis mais caros da Irlanda, certo? Pois bem, a pesquisa aponta que quem quiser alugar uma casa ou apartamento completo na região central da cidade, sem dividir imóvel com mais ninguém, precisará desembolsar sozinho, em média, 1850 euros.
O valor cai um pouco na zona norte da cidade, onde a média de custo mensal é cerca de 1761 euros. Entretanto, morar na zona sul de Dublin é ainda mais caro, com preços que podem, até, ultrapassar 2000 euros por mês. Claro, isso considerando o aluguel completo de uma casa ou apartamento.

Onde alugar na Irlanda?

Para fugir dos preços altos, recomenda-se evitar a região central de Dublin e buscar os bairros mais periféricos da cidade. O Daft pode ser uma boa opção para se ter uma ideia das médias de valores.

Tem solução?

A questão tem sido considerada uma emergência nacional pelo ministro Simon Coveney, responsável pelo setor. Ele afirmou recentemente que as medidas tomadas pelo governo anterior foram ineficientes e que algo deverá ser feito. Entretanto, destacou que os resultados não serão imediatos.
Algumas medidas foram tomadas pelo governo e os landlords só podem ajustar em ate 4% o valor do imóvel considerando que existem outras opções próximas ao imóvel com valores de aluguel maiores. Mais informações sobre essa lei podem ser encontradas no website do RTB (Residential Tenancies Board).

Como procurar moradia?

Dividir uma casa ou apartamento continua a solução mais em conta para os intercambistas. A região central da cidade é a mais concorrida. Então, se você ainda não arrumou um emprego para ajudar nas despesas ou pretende economizar um pouco mais, considerar os bairros mais afastados vai ajudar. Os transportes públicos funcionam muito bem em Dublin, com aplicativos e informação online em tempo real – ao procurar imóvel, procure em locais com fácil acesso por ônibus, tram ou trem. Saindo do centro da cidade, os preços são mais acessíveis e imóveis melhores/maiores. É importante se familiarizar com as áreas da cidade e verificar as linhas de transporte público até a cidade – Google maps vai te ajudar bastante nesta procura! Além do Daft, diversas vagas são publicadas diariamente nos grupos do Facebook sobre intercâmbio na Irlanda. Você pode também conversar com outros alunos na escola que podem conhecer alguém ou mesmo ter um quarto disponível onde moram. Só não se esqueça de conhecer bem as regras da casa, se está tudo regularizado com o landlord e de ir pessoalmente conhecer o local antes de fazer qualquer depósito ou pagamento adiantado. Jamais faça pagamento para fazer uma visitar a qualquer imóvel. Ao fazer qualquer pagamento solicite um recibo e cópia da chave do apartamento/casa. Você pode também perguntar ao nosso staff em Dublin e professores que vão te ajudar nas melhores áreas e onde pode ser uma boa opção para você morar em Dublin!